You are currently viewing Vacinação contra Covid continua na quinta-feira,14, em Dourados
A vacinação contra Covid em Dourados terá diversos locais diferentes, confira

Vacinação contra Covid continua na quinta-feira,14, em Dourados

O atendimento para as vacinações será em locais diferentes, confira

A Prefeitura de Dourados (MS) divulgou o cronograma de vacinação contra Covid para esta quinta-feira (14). Serão aplicadas a 1ª, 2ª e 3ª doses dos imunizantes. Os locais e horários são diferentes, confira.

Vacinação contra Covid em Dourados: 1ª Dose
A primeira dose do imunizante será aplicada na UBS Parque das Nações I; UBS Parque do Lago II; e Maracanã. O horário de vacinação será das 15 às 20 horas.

Podem ser vacinados adolescentes de 12 a 17 anos. Neste caso, todos devem ir acompanhados por um responsável e é preciso levar documento com foto, CPF e caderneta de vacinação.

Na Central de Vacinação, anexa ao Pavilhão de Eventos Dom Teodardo Leitz, também será aplicada a 1ª dose, entre às 7h30 e 16h30. Além dos adolescentes acima de 12 anos, gestantes, puérperas e lactantes também poderão receber o imunizante.

As gestantes precisam apresentar laudo médico.

2ª Dose

A segunda dose será aplicada na Central de Vacinação, entre às 7h30 e 16h30.

Podem ser imunizados os seguintes grupos: pessoas que tomaram a D1 até 14/09 (Pfizer); pessoas que tomaram a D1 até 14/08 (Astrazeneca); e pessoas que tomaram a D1 até 14/09 (Coronavac).

Também terá aplicação da segunda dose na UBS Parque das Nações I; UBS Parque do Lago II; e UBS Maracanã, entre às 15 e 20 horas.

Poderão ser vacinadas todas aquelas pessoas que tomaram a D1 até o dia 14/09 (Pfizer).
Em ambas as situações, é obrigatório levar documento com foto, CPF e comprovante da 1ª dose.

Dourados atinge marca de 100% de vacinados contra Covid-19

Dourados atingiu a marca de 100% do público vacinável, estipulado pelo Ministério da Saúde na campanha de imunização contra a Covid-19. Os dados são referentes a primeira meta estabelecida, incluindo pessoas com 18 anos ou mais e grupos prioritários que tomaram a primeira dose.

“Esse resultado foi possível graças a união de todos nossos profissionais que não mediram esforços para que a vacina chegasse a todos, sabemos que não é o fim da pandemia, os cuidados continuam sendo importantes, mas nos permite avançar e retomar aos poucos o que conhecemos como ‘normal’”, frisou o prefeito, Alan Guedes.