You are currently viewing Vacinas da Pfizer e Coronavac: aplicação segue nesta segunda, em Dourados
Poderão tomar a Dose 2 pessoas com 18 anos ou mais, que tomaram a Dose 1 da vacinas da Pfizer até o dia 27 de agosto de 2021

Vacinas da Pfizer e Coronavac: aplicação segue nesta segunda, em Dourados

Já no CCI (Centro de Convivência do Idoso) haverá aplicação da dose 3, das 7h30 às 15h, em idosos de 60 anos ou mais que tomaram a Dose 2 até o dia 27 de maio de 2021

O setor de Imunização de Dourados informa que segue aplicação de vacinas da Pfizer e Coronavac nesta segunda-feira (27) com atendimento em três lugares. No CSU (Centro Social Urbano) e na unidade de Saúde do Santo André, a vacinação contra a Covid-19 acontece das 15h às 20h com dose 2 da Pfizer e dose 2 da Coronavac.

Já no CCI (Centro de Convivência do Idoso) haverá aplicação da dose 3, das 7h30 às 15h, em idosos de 60 anos ou mais que tomaram a Dose 2 até o dia 27 de maio de 2021, independente do laboratório. É obrigatória apresentação do comprovante de vacinação com Dose 1 e Dose 2, documento com foto e CPF.

Quem pode se vacinar:

Dose 2 da vacinas da Pfizer

Poderão tomar a Dose 2 pessoas com 18 anos ou mais, que tomaram a Dose 1 até o dia 27 de agosto de 2021. É obrigatória, do mesmo modo, apresentação do comprovante de vacinação com a Dose 1, documento com foto e CPF.

Dose 2 Coronavac

Poderão tomar a Dose 2 pessoas com 18 anos ou mais, que tomaram a Dose 1 até o dia 27 de agosto de 2021. É obrigatória apresentação do comprovante de vacinação com a Dose 1, documento com foto e CPF.

Dose 3 idosos

Poderão tomar a Dose 3 da vacina idosos de 60 anos ou mais que tomaram a Dose 2 até o dia 27 de maio de 2021, independente do laboratório. É obrigatória apresentação do comprovante de vacinação com Dose 1 e Dose 2, documento com foto e CPF.

Dose 3 comorbidades imunológicas

Também poderão tomar a Dose 3, pessoas com comorbidades imunológicas que vacinaram Dose 2 até o dia 27 de agosto de 2021. É obrigatória, dessa maneira, apresentação do comprovante de vacinação com Dose 1 e Dose 2, documento com foto, CPF e prescrição médica. Sem a prescrição médica não será possível tomar a dose de reforço.

Poderão, portanto, vacinar as pessoas com alto grau de imunossupressão (Imunodeficiência primária grave, quimioterapia para câncer, transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas em uso de drogas imunossupressoras e pessoas vivendo com HIV/Aids.

Quem faz uso de  corticóides em doses iguais ou maiores que 20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por mais de 14 dias, uso de drogas modificadoras da resposta imune, pacientes em hemodiálise, pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias) também será imunizado.

Dose 3 Profissionais de Saúde

Os profissionais de Saúde com 50 anos ou mais que tomaram a Dose 2 até o dia 27 de março de 2021. É obrigatória apresentação do comprovante de vacinação com Dose 1 e Dose 2, documento com foto e CPF.